Goiás está há pelo menos três dias com índices de isolamento social abaixo dos 40% - patamar considerado o limite do “sinal amarelo” pelo governo estadual para adoção de medidas mais duras de restrição de mobilidade. Nos dias 4 e 5 de maio, a taxa ficou, respectivamente, em 38,3% e 37,3%, a segunda pior do País. É um porcentual abaixo da média nacional, algo que nunca ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários