Presidente da Associação dos Produtores do Vale do Araguaia (Aprova Agricultura Sustentável), Antônio Celso Lopes informa que a entidade surgiu com a missão de acompanhar a adequação dos produtores à legalidade. Segundo ele, o Estado, através das secretarias responsáveis, não conseguia atender a demanda por licença. “Hoje tem pedido de outorga de 2016 ainda não anali...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários