Os prestadores de serviços de saúde privados de Goiás, credenciados ao Instituto de Assistência dos Servidores Públicos de Goiás (Ipasgo), foram informados na última segunda-feira (6) de um corte de 50% nos atendimentos eletivos no plano de assistência aos servidores públicos do Estado. O ocorrido foi revelado nesta quinta-feira (9) em nota conjunta assinada pela A...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários