O número de incêndios detectados pelo Corpo de Bombeiros em Goiás entre janeiro e julho deste ano somam 4.070 ocorrências, número 32% maior ao do mesmo período do ano passado: 3.084 registros do tipo. Julho costuma representar o pico do fogo no Estado, entretanto, agosto e setembro apresentam quantidades elevadas próximas às do sétimo mês do ano. Para minimizar o pro...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários