Um caminhoneiro de 44 anos foi preso por transportar irregularmente 16 trabalhadores com idades entre 19 e 47 anos na manhã desta quinta-feira (21), em Jataí. O caminhão baú foi flagrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) tentando fazer uma conversão proibida no Km 193 da rodovia. Após ser abordado, foi constatado que no compartimento de carga do veículo viajavam 14 homens, que dividiam o espaço com diversas mercadorias, sem as mínimas condições de segurança. 

 
Algumas horas antes da abordagem, dois dos vendedores já haviam sido deixados em um posto às margens da BR para descansarem. Eles haviam saído do Estado da Paraíba há cerca de dois meses para venderem redes, colchas, toalhas e outros produtos em várias cidades. Passavam a noite em postos de combustíveis, onde armavam as redes e dormiam. O valor do pagamento que não era fixo acontecia de acordo com a quantidade de produtos que os trabalhadores conseguiam vender. O caminhoneiro vai responder por expor a vida ou a saúde de outrem a perigo direto e iminente, crime previsto no artigo 132 do código penal. A ocorrência foi encaminhada ao Ministério Público do Trabalho, que vai investigar o caso.