Umas das sócias da Umanizzare, empresa que administra o Complexo Penitenciário Anísio Jobim, em Manaus, é a goiana Regina Celi Carvalhaes de Andrade, segundo a ficha da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp). A empresa privada possui um capital de R$ 62 milhões e em agosto a sede, que funcionava em Goiás, foi transferida para São Paulo em agosto. A Uman...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários