Na segunda-feira (27), a Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás (OAB-GO) publicou nota lamentando a morte do advogado Sebastião de Bastos Gomes Filho, que morreu em decorrência da Covid-19. Sebastião atuava na área criminal e era referência nas comarcas do Vale do São do Patrício. Ele é o terceiro profissional da categoria, em Goiás, que perde a vida para o coronavírus somente nesta semana.

Um dia antes, no domingo (26), o advogado Daylton Anchieta morreu vítima de Covid-19. Segundo a OAB Goiás, ele era decano da advocacia trabalhista em Goiás e muito querido pelos colegas e magistrados.

🔘 Acesse o nosso especial 'Coronavírus Sem Mistério' e confira gráficos interativos, lives, entrevistas, podcast e tire as suas dúvidas da doença

“Advogado iluminado e de sabedoria admirável, foi conselheiro seccional da OAB-GO e presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de Goiás (Casag), contribuindo com sua militância para a evolução do associativismo entre os advogados e com a consolidação do Estado de Direito, missão da OAB”, diz nota divulgada pela seccional no dia da morte de Anchieta.

Ainda na noite de sexta-feira (24), o advogado Celso Rios Neto também perdeu a vida em meio à batalha contra a Covid-19. Ele era militante da área trabalhista, segundo a OAB Goiás, que lamentou sua partida.

Segundo o último boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) na segunda-feira (27), Goiás chegou a 1.400 óbitos causados pela Covid-19. São, ainda, 58.249 casos confirmados e outros 116.847 em investigação.