O Governo de Goiás informou nesta terça-feira (13) que o produto químico citado pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, utilizado para conter fogo na Chapada dos Veadeiros, não é autorizado na região da Área de Proteção Ambiental (APA) do Pouso Alto, que faz parte da gestão estadual. Em nota, o governo do Estado ainda informa que “não há nenhuma regulamentação sobre ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários