A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás estuda utilizar a vacina Pfizer como segunda dose para grávidas que tomaram a primeira dose com a AstraZeneca. A informação é do secretário de Saúde Ismael Alexandrino. “Estamos aguardando somente os pareceres das sociedades médicas”, afirma. De acordo com ele, a mudança no esquema vacinal dependerá, ainda, de prescrição médica. A aplica...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários