Apenas 52 dias depois de ter atingido a marca de 10 mil mortos por complicações causadas pelo coronavírus (Sars-CoV-2), Goiás chegou à marca das 15 mil vítimas da doença, com um intervalo médio de 8 dias entre cada milhar. O intervalo é quase três vezes menor do que os 153 dias que o Estado levou para sair dos 5 mil para os 10 mil óbitos. Uma dessas vítimas foi Otalécio Olivei...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários