O casal preso suspeito de aplicar golpes na ordem de R$ 5 milhões usando agências de turismo de fachada ostentava uma vida de luxo. As evidências foram obtidas pela Polícia Civil, que localizou fotos de Valter Ferreira de Faria Júnior, de 41 anos, e Daniela Rodrigues Dourado Aguirre, de 42, em uma viagem a Paris e outra em uma prova de Fórmula 1. Para o delegado German...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários