O fazendeiro Alexandre Henrique de Castro, filho do ex-deputado e ex-secretário de Estado Ibsen de Castro, foi condenado, nesta quarta-feira (16), a 12 anos de prisão pela morte do peão Benjamin de Moura Camargo, ocorrida em 26 de fevereiro de 1998, em Jussara, no Noroeste do Estado. A condenação foi determinada por júri popular, em sessão realizada no Fórum Criminal d...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários