A secretária de Estado de Meio Ambiente (Semad) de Goiás, Andréa Vulcanis, afirmou que no novo sistema de licenciamento ambiental implantado pelo órgão a plataforma ficará “travada” enquanto o empreendedor não incluir todas as informações necessárias. Então, a gestora explica que se hoje a “conta” dos atrasos na análise de licenças fica com a Semad, com pessoas dizendo...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários