Desde maio, com prescrição médica e receituário azul (controlado), qualquer brasileiro pode comprar em farmácia extrato de canabidiol (CBD), derivado da maconha. A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de liberar a comercialização do produto produzido por cientistas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da Universidade de São Paulo (U...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários