“Existe um assassino à solta e não sou eu, não tenho nada a ver com isso”, declarou o médico Álvaro Ferreira da Silva, ex-marido da professora Danielle Christina Lustosa Grohs encontrada morta na última segunda-feira (18), em Palmas (TO). O médico é o principal suspeito da morte da professora. #mc_embed_signup{background:#fff; clear:left; font:14px Helvetica,Arial,san...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários