Ex-diretor do Colégio Estadual da Polícia Militar de Goiás (CEPMG), unidade João Augusto Perillo, na cidade de Goiás, o major PM Neosil Vicente Ferreira se manifestou pela primeira vez após o episódio denunciado por alunos do 9º ano do ensino fundamental no dia 18 de outubro de que teriam sido submetidos a uma revista “constrangedora e vexatória” no interior de um banheiro ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários