Goiás registrou, até a última terça-feira (3), 2.010 focos de incêndio, de acordo com dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Só nos primeiros três dias deste mês já foram 120 casos, mas o número pode crescer significativamente porque, segundo as estatísticas, setembro é o mês com maior ocorrência de queimadas. A média histórica é de 2.277. Rep...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários