Quando as aulas presenciais estiverem liberadas em Goiás para o ensino fundamental e médio - a previsão é que isso ocorra em novembro -, as escolas poderão liberar a entrada de até 25% dos alunos matriculados. É um índice menor do que o permitido para os berçários e escolas de ensino infantil, que poderão receber até 30%. Isso para reduzir o risco de contágio da Covid-19.O...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários