A enfermeira que não injetou a vacina contra a Covid-19 no braço de uma idosa de 88 anos, em Goiânia, afirmou em depoimento ao Ministério Público de Goiás (MP-GO) que ficou abalada depois da situação, que foi gravada por uma mulher que acompanhava a mãe. No vídeo, que viralizou, a profissional chegou a colocar a seringa no braço da paciente, mas não apertou o êmbolo. Somente depois da contestação da familiar é que o imunizante fo...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários