Em resposta a um pedido de explicações feito pelo STF (Supremo Tribunal Federal), a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) evitou dar detalhes específicos sobre a suspensão dos testes da vacina Coronavac, mas disse agir de forma "isonômica" e "imparcial" na avaliação de todas as imunizações contra a Covid-19. No documento, a Anvisa lembra que, além da vac...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários