O bebê que nasceu no último dia 26 de maio no Hospital Materno Infantil (HMI), no Setor Oeste, em Goiânia, e testou positivo para o novo coronavírus após ser transferido para o Hospital da Criança por possuir uma cardiopatia rara (malformação rara) com apenas quatro dias de vida, foi submetido a um novo exame e desta vez o resultado foi negativo. O novo exame foi realiza...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários