O aposentado José Marques, de 69 anos, relata ter escutado os tiros que teriam sido disparados por Paulo Cupertino, procurado pela morte do ator Rafael Henrique Miguel, de 22 anos, e dos pais dele. O aposentado, que mora a três casas do local do crime, contou ao UOL que estava com a família no momento do crime. "Estávamos fazendo um churrasco quando ouvi um tirote...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários