Em Goiânia, a Secretaria Municipal de Educação (SME) desencadeou no dia 16 de agosto o processo de retomada das atividades presenciais na rede pública de ensino. Para evitar risco de contaminação com o coronavírus (Sars-CoV-2), a pasta implementou protocolos sanitários rígidos e vacinou todos trabalhadores da área. O modelo adotado foi o híbrido, com revezamento diário ou seman...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários