Atualizada às 12h32. Dois médicos foram indiciados por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, no inquérito que investigou a morte da universitária Susy Nogueira Cavalcante, de 21 anos. Os profissionais são da Organização Goiana de Terapia Intensiva (OGTI) e responsáveis pela gestão da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Goiânia Leste, no Set...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários