O goiano Ailton Benedito de Souza, secretário de Direitos Humanos e Defesa Coletiva da Procuradoria-Geral da República e chefe da PR-GO, defendeu ontem a candidatura brasileira ao Conselho de Direitos Humanos (CDH) da ONU. As duas vagas reservadas à América Latina serão disputadas por Brasil, Venezuela e Costa Rica. A manifestação, via MPF, foi endereçada ao Ministério das…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários