O Dia D de mobilização contra a gripe ocorre neste sábado (4) em Goiás e todo o País. Em Goiânia muitas pessoas escolheram se vacinar no Centro Municipal de Vacinação e Orientação ao Viajante, no Setor Pedro Ludovico. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) da capital espera que 80 mil pessoas procurem uma das 74 unidades de saúde para imunização. Até agora 37,72% do público alvo se vacinou. A meta é de 95% de cobertura vacinal, o que representa aproximadamente 404.610 pessoas. Em 2018 foram registrados 130 casos com 22 mortes. Em 2019 até maio, um caso foi registrado, sem nenhuma morte.

A nível Brasil, o Ministério da Saúde espera que mais de 41 mil postos de saúde permaneçam abertos em todos os estados ao longo do dia. A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começou no último dia 10 e prossegue até 31 de maio. A meta é imunizar pelo menos 90% de cerca de 59,5 milhões de pessoas.

Devem receber a dose crianças com idade entre 6 meses e menores de 6 anos; grávidas em qualquer período gestacional; puérperas (até 45 dias após o parto); trabalhadores da saúde; povos indígenas; idosos; professores de escolas públicas e privadas; pessoas com comorbidades e outras condições clínicas especiais; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas; funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

Profissionais das forças de segurança e salvamento também passaram a fazer parte do público-alvo da campanha neste ano. Por meio de nota, o ministério informou que o grupo inclui policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas, totalizando cerca de 900 mil pessoas.