Os socorristas do Samu em Goiânia viram a demanda por transferência intra-hospitalar de pacientes com suspeita ou que deram positivo para a Covid-19 aumentar 100% nos últimos 40 dias. O coordenador geral do serviço na capital, André Luiz Braga, diz que são feitos por dia em média de 60 a 80 transportes de pessoas que estavam nas unidades de urgência como Cais e Ciams pa...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários