A Delegacia Estadual de Repressão à Crimes Contra o Consumidor (Decon) investiga uma empresa de decoração que teria cancelado os serviços no último final de semana deixando, aproximadamente, 30 noivas lesadas. As denúncias começaram na última sexta-feira (6), quando a proprietária da empresa avisou às noivas que não poderia realizar os serviços. Até a manhã desta segunda-feira (...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários