O procurador do Estado e ex-presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO), João Furtado de Mendonça Neto, usou seu perfil no Twitter para se posicionar sobre a Operação Cegueira Deliberada, da Polícia Civil, realizada nesta quinta-feira (7) e na qual ele foi um dos alvos. Nas postagens, o ex-presidente do Detran-GO afirma ser inocente e diz q...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários