A Associação Goiana do Ministério Público (AGMP) se manifestou nesta quarta-feira (23) contra declaração do governador Ronaldo Caiado (DEM) que, durante uma live nas redes sociais um dia antes, pela manhã, afirmou que pediu ao procurador-geral de Justiça Aylton Vechi que o Ministério Público “não interferisse na área da saúde”. Também nesta quarta, o Sindicato dos S...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários