Morreu, na madrugada desta quarta-feira (20), o irmão do conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil em Goiás (OAB-GO) Marcello Terto e Silva, Jadiel Filho, de 46 anos, vítima da Covid-19. Ele morava em Teresina, Piauí, e foi sepultado em cerimônia privada.

A cerimônia fúnebre foi reservada a familiares por causa das medidas de isolamento social para contenção do novo coronavírus. Jadiel era administrador de empresas, casado e tinha um filho de 8 anos. Ele foi descrito por familiares à OAB-GO como um "pai amoroso". 

Em entrevista ao POPULAR, a esposa do conselheiro, Aline Terto, disse que o cunhado já havia passado por um transplante renal, que é considerado uma comorbidade. Segundo ela, Jadiel estava havia cerca de 20 dias em um hospital privado da capital piauiense. Ele foi internado no dia seguinte ao que começou a sentir os sintomas.

Depois disso, ele foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade, onde ficou durante os últimos 15 dias. "Ele faleceu no hospital, estamos devastados", disse Aline, que lamentou o fato de não terem podido velar o corpo do cunhado.