A Secretaria de Estado de Saúde de Goiás (SES-GO) divulgou nesta segunda-feira (3) o documento padrão que deve ser apresentado pelas pessoas com comorbidades para que elas possam ser imunizadas contra a Covid-19.

“Ele foi feita para tentar facilitar a vida da pessoa que vai se vacinar e vale em todo o Estado”, diz Flúvia Amorim, superintendente de Vigilância em Saúde da SES-GO.

Clique aqui e baixe o formulário para comprovação de comorbidade em Goiás

O documento foi construído depois de a pasta ter uma reunião na última semana com representantes de sociedades médicas relevantes como, por exemplo, a Sociedade Goiana de Pneumologia e Tisiologia (SGPT) e com o Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás (Cremego).

Em nota, o Cremego informou que “em breve, divulgará uma orientação mais detalhada aos médicos sobre o preenchimento do atestado de comorbidades a ser apresentado pelos pacientes para a vacinação contra a Covid-19” e que “desde janeiro, o Cremego vem dando essa orientação aos médicos, mas, ainda nesta semana, deve oferecer um formulário padrão a ser elaborado em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia.”

Clique aqui e veja quais sãos as comorbidades que entram lista de vacinação segundo Plano Nacional de Imunização

A superintendente de Vigilância em Saúde da SES-GO aponta que além do formulário para vacinação oferecido pela secretaria, quem tem comorbidades também pode apresentar outros documentos que comprovem a existência das doenças, inclusive receitas médicas. “Desde que conste qual é a comorbidade de forma clara e legível, ela pode apresentar junto com o documento de identificação”, explica.

Flúvia esclarece ainda que a SES-GO tem orientado as secretarias municipais de Saúde para que elas façam um levantamento da quantidade de pessoas com comorbidades nos respectivos municípios que são tratadas e estão cadastradas no Sistema Único de Saúde (SUS), pois essa é mais uma forma de as pastas terem noção real do tamanho do grupo e controle de quem deve ser imunizado.