Ao menos 50 servidores da Segurança Pública em Goiás já foram afastados das atividades por conta do novo coronavírus. O número inclui os casos com diagnóstico confirmado e os que ainda são considerados suspeitos e aguardam o resultado de exames. A informação é do secretário estadual da Segurança Pública, Rodney Miranda, que falou sobre o assunto durante uma live nas r...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários