O Conselho Estadual de Educação de Goiás (CEE), assim como o Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino de Goiás (Sepe), defende o adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A defesa segue o Tribunal de Contas da União (TCU) que deu, na última segunda-feira (11), um parecer favorável à postergação da avaliação. O Tribunal ressalta que, sem modificaçõe...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários