A Polícia Civil confirmou nesta quarta-feira (15) a morte de Antônio Márcio Quintão, de 76 anos, caso é mais uma suspeita de síndrome nefroneural, doença que é investigada por possível contaminação por dietilenoglicol, substância encontrada em garrafas da cerveja Belorizontina, da Backer. A polícia diz que trata-se da segunda vítima confirmada oficialmente. ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários