O governo Federal designou Gutemberg Nader de Almeida Júnior, um dos condenados pela morte do índio Galdino Jesus dos Santos, para um cargo comissionado na Polícia Rodoviária Federal (PRF). Júnior é um dos cinco jovens que queimaram o indígena vivo em Brasília, em 19 de abril de 1997. Ele foi designado para o cargo de Substituto do Chefe da Divisão de Centro de Com...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários