Há mais de dez anos, quando foi desafiado a oferecer aos pacientes do Hospital Araújo Jorge, principal unidade da Associação de Combate ao Câncer de Goiás (ACCG), um serviço ao qual não estava habituado, Eduardo Vilela Alencar, de 57 anos, não poderia imaginar que chegaria tão longe. Então voluntário da capelania, foi solicitado a ele que fizesse barba e cabelo dos ho...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários