O Governo de Goiás recebeu, na tarde deste sábado (31), um carregamento com 105.600 doses de vacinas contra a Covid-19. Com o novo lote, são 233.130 doses recebidas neste sábado.

A primeira remessa chegou às 9h, com 127.530 imunizantes Comirnaty, fabricados pelo laboratório Pfizer. Depois, às 14h35, outras 105.600 unidades da CoronaVac, do Instituto Butantan, também aterrissaram no Aeroporto Internacional de Goiânia.

De acordo com a gestão estadual, todas as vacinas do laboratório Pfizer serão destinadas para a primeira dose. Já os imunizantes do Butantan serão divididos em primeira e segunda aplicações. Na sequência, as doses passam por processo de conferência na Central Estadual de Rede de Frio, na capital, e são encaminhadas para os municípios goianos.

“A variante delta preocupa, por isso temos que avançar na vacinação e, principalmente, retornar para a segunda dose”, reforça o governador Ronaldo Caiado.

Regras

Conforme Resolução da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) de Goiás, as doses recebidas poderão ser utilizadas, na sua totalidade, para vacinação por faixa etária, em ordem decrescente de idade. Os grupos prioritários, como idosos, trabalhadores da saúde, educação ou portadores de comorbidades, que ainda não se vacinaram, por algum motivo, terão prioridade independentemente da idade que estiver sendo atendida naquele município no momento.

Doses aplicadas

Do total de imunizantes recebidos até o momento, até às 16h deste sábado, Goiás aplicou 3.045.563 primeiras doses das vacinas contra a Covid-19 em todo o Estado. Com o esquema vacinal completo, seja pelo reforço ou pela aplicação de vacina em dose única, foram imunizadas 1.178.912 pessoas.