Em carta pública divulgada nesta sexta-feira (19), a Associação dos Hospitais Privados de Alta Complexidade do Estado de Goiás (Ahpaceg) confirma que os hospitais associados à entidade atingiram lotação máxima de leitos de UTI destinados ao tratamento da Covid-19. Diante do cenário, a Ahpaceg pede por “esforços conjuntos” e diz que a abertura de novos leitos é “inviável”. “Nas última...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários