Anápolis, na Região Central de Goiás, passa a contar com uma unidade exclusiva para atender pacientes com o novo coronavírus (Covid-19). O Centro de Internação Norma Pizzari Gonçalves foi entregue na manhã desta sexta-feira (27) e possui 45 leitos, sendo que seis deles são de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e possuem ventiladores de respiração e monitores.

O prefeito Roberto Naves explicou que a unidade não será portas abertas e não terá consultas. De acordo com ele, o fluxo para pacientes com sintomas do novo coronavírus continua sendo o Zap do Corona e as Unidades de Referência do Coronavírus no município. No entanto, caso o quadro do paciente se agrave, ele será encaminhado para a unidade. Sobre a quarentena, ele afirmou que tal medida tem como objetivo principal salvar vidas.

Naves também informou que em parceria com a Câmara Municipal, que destinou R$ 1 milhão, serão adquiridos 10 mil testes rápidos para identificar se o paciente tem ou não o vírus. De início, os testes terão duas finalidades. Uma delas será testar os agentes de saúde que apresentarem quaisquer sintomas relacionados ao vírus e a outra os pacientes que precisarem de internação.