O Ministério Público Federal (MPF) pediu a abertura de uma investigação contra desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO). O objetivo é apurar se os magistrados receberam vantagem financeira indevida do padre Robson de Oliveira, que foi investigado pelo Ministério Público de Goiás (MP-GO) por suspeita de desviar dinheiro doado pelos fiéis da Associ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários