Tatiane Soares Ramos e Rafael Cunha Ramos, suspeitos de praticar golpes na ordem de R$ 40 milhões em Jacareí, São Paulo, foram presos nesta segunda-feira (16), em um apartamento no Setor Cândida de Morais, em Goiânia. Os dois estavam foragidos desde julho deste ano e cometeriam os crimes utilizando um esquema de pirâmide financeira. Às vítimas, ofereciam possibilidade d...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários