Operação deflagrada ontem apura esquema criminoso no qual oficiais do Corpo de Bombeiros Militar de Goiás (CBM-GO) são suspeitos de receber propinas de comerciantes e empresários para emissão de certificação de segurança contra incêndio e pânico. Cinco empresários foram presos em Goiânia e 17 mandados de busca e apreensão foram cumpridos em empresas, residências e instalações m...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários