Em conversa com jornalistas, o presidente Jair Bolsonaro disse não se lembrar do policial militar reformado Ronnie Lessa, preso ontem sob suspeita de envolvimento no assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL). Lessa possui casa no mesmo condomínio de Bolsonaro no Rio de Janeiro. Segundo o delegado do caso, Giniton Lages, um dos...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários