Folhagens, marmitas, sacolas, vasilhas, ferro, jornais, garrafas, pedaços de madeira, copos de plástico, fios e até móveis quebrados. Itens como esses são encontrados nas milhares de bocas de lobo espalhados pela cidade. Muitas delas, sem tampa ou com tampas quebradas, estão entupidas. A situação preocupa, especialmente com a proximidade do período de chuva, previsto para...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários