A juíza Marianna de Queiroz acolheu pedido de tutela de urgência do Ministério Público de Goiás (MP-GO) e determinou ao município de Mozarlândia, no norte do Estado, que providencie, em 30 dias, estudos geotécnicos nas três barragens de terra do lago situado no Setor dos Lagos. Caso a administração não faça os procedimentos poderá pagar uma multa de R$ 20 mil. Na última...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários