O podcast, que vêm se popularizando como um meio de comunicação nos últimos anos e ganhando cada vez mais adeptos, foi o canal escolhido por um grupo de jovens goianos diagnosticados com a Síndrome de Asperger, condição agregada como o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) desde 2013, para tratar da condição. O trabalho foi iniciado há quase dois anos por meio do pro...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários