A Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), após cinco anos de tentativas, finalmente conseguiu convencer as empresas concessionárias do sistema metropolitano de Goiânia a aumentar o pagamento da parcela do poder concedente de 1% para 2% da receita bruta das mesmas. Com isso, a CMTC deverá dobrar o valor que recebe das empresas e é sua única fonte de renda....

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários