Atualizada às 12h50. A manhã desta quinta-feira (16) é de recomeço para os alunos, docentes e funcionários do Colégio Estadual Céu Azul, em Valparaíso de Goiás, no entorno do Distrito Federal. A unidade retoma as atividades 16 dias após um estudante matar a tiros o professor e coordenador Júlio César Barroso de Sousa, de 41 anos. O governador Ronaldo Caiado e a se...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários