Pelo menos 20 pessoas foram impedidas de participar do 60º concurso para promotor de Justiça do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO). A justificativa do órgão para a retirada dos candidatos seria porque eles usavam bermudas, camisetas regatas ou mesmo chinelos, considerados como trajes inadequados conforme comunicado publicado pela comissão organizadora três dias antes...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários